Hector Babenco | Filmografia

Com nove filmes em sua carreira, o cineasta argentino-brasileiro Hector Babenco é um dos mais premiados diretores do cinema nacional e internacional.

Foto 17_B

FILMOGRAFIA

• O REI DA NOITE – 1975
• LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA – 1977
• PIXOTE: A LEI DO MAIS FRACO – 1981
• O BEIJO DA MULHER-ARANHA – 1985
• IRONWEED – 1987
• BRINCANDO NOS CAMPOS DO SENHOR – 1991
• CORAÇÃO ILUMINADO – 1996
• CARANDIRU – 2003
• O PASSADO – 2007

PRÊMIOS

O REI DA NOITE – 1975
• Vencedor do Festival de Brasília – Melhor Ator – Paulo José

LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA – 1977
• Melhor Filme da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo – Júri Popular
• Vencedor no Festival de Cinema de Gramado de Melhor Ator para Reginaldo Farias; Melhor Ator Coadjuvante para Ivan Cândido; Melhor Fotografia e Melhor Montagem

PIXOTE: A LEI DO MAIS FRACO – 1981
• Melhor Filme pela Associação de Críticos de Filmes de Boston
• Melhor Filme Estrangeiro no Festival de Biarritz
• Melhor Filme pela Associação de Críticos de Los Angeles e NY
• Leopardo de Prata no Festival Internacional de Filmes de Locarno – Suíça
• Melhor Atriz para Marília Pêra pela Associação Nacional de Críticos dos EUA
• Menção Honrosa no Festival Internacional de Filmes de San Sebástian – Espanha

O BEIJO DA MULHER-ARANHA – 1985
• Oscar de Melhor Ator para William Hurt
• Palma de Ouro de Melhor Ator para William Hurt – Festival de Cannes
• Melhor Filme do Festival Internacional de Cinema de Toronto
• Melhor Filme do Festival Internacional de Cinema de Seattle
• Vencedor do Festival Internacional de Filmes de Tokyo
• Special Distinction do Independent Spirit Award
• Ator do Ano para William Hurt da Associação de Críticos de Filmes de Londres

BRINCANDO NOS CAMPOS DO SENHOR – 1991
• Melhor Trilha Sonora pela Associação de Críticos de Filmes de Los Angeles

CARANDIRU – 2003
• Seleção Oficial do Festival de Cannes
• Melhor Filme pelo Festival de Filmes de Cartágena
• Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Ator para Rodrigo Santoro e Melhor Atriz para Maria Luisa Mendonça pelo Grande Prêmio de Cinema do Brasil
• Prêmios Glauber Rocha, Casa das Américas, OCIC, Rádio Havana e Prêmio de Voto Especial do Júri pelo Festival de Filmes de Havana

[Confira a entrevista com o cineasta Hector Babenco]

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>